SERVIÇOS


   Construção de casas em pedra e terra estabilizada (Taipa)
   Restauro de casas antigas
   Remodelações e pequenos trabalhos de construção civil
   Reforço de fundações e ancoragem em casas antigas
   Fabrico e restauro de ferragens em forja
   Fabrico e comercialização de pasta de cal aérea e aditivos pozolânicos
   Rebocos de terra estabilizada projectada
   Reabilitação de Tabique
   Parcerias
   Executamos trabalhos em todo o país.

CONTACTOS


Aldeias de Pedra - Construções, Lda
Rua Principal, 79, Lagoa Fundeira
6110- 018 Fundada
Alvará n.º 65660

Telefone:: 964 133 264
Phone / Teléfono: 965 630 220

E-mail: aldeiasdepedrageral@gmail.com


TINTAS DE CAL


Antes da caiação, a base tem que ser preparada com uma demão de água de cal, mas antes de se aplicar esta água de cal, é muito importante que essa base seja bem humedecida com água normal. Isto pode ser feito com uma trincha grande e larga ou com uma mangueira provida de um bico adequado. A base deve estar tão humedecida que a água fique parada e “brilhante” sobre a sua superfície, durante alguns segundos, quando se aplicar mais água com a trincha larga. Imediatamente após o humedecimento com água corrente, a base é tratada com uma boa demão de água de cal, aplicada com a trincha e bem esfregada em todos os cantos e reentrâncias dessa base.

Normalmente, caiação não deve ser misturada com nenhuns aditivos tais como a caseína, a manteiga, a cola, etc., para se melhorarem as propriedades dessa caiação. Estes materiais alteram a importante ligação da caiação, de uma avançada ligação química para uma pura colagem.

1ª demão

A primeira demão com leite de cal é aplicada 24 horas após o humedecimento e o tratamento com água de cal, porque essa água de cal tem que carbonatar. Já se referiu que o líquido para a caiação deve ser misturado e preparado no dia anterior à caiação.

2ª e 3ª demãos

Se a base tiver secado entre a primeira e a segunda demãos, deve ser molhada novamente com água corrente. De forma a não fazer escorrer a recém aplicada demão de caiação, a água é aplicada, desta vez, por borrifos cuidadosos com a trincha, ou por rega com a mangueira mas com um bico muito suave.

Quando se aplica uma caiação colorida sobre alvenaria ou reboco, é habitual aplicar-se a primeira demão em branco (caiação branca), antes de 2 a 3 demãos de caiação colorida, já que a cor branca irá “brilhar” um pouco através das demãos coloridas.

TRATAMENTO DE ACABAMENTO

Após umas adicionais 12 a 24 horas, a caiação é fixada com uma fina demão de água de cal. Isto pode ser feito por aspersão, embora não perturbando a caiação que foi feita com tanto cuidado.

NÃO SE PODE CAIAR SOBRE:

  • Argamassas de cimento, betão, eternite, etc.
  • Tijolos, telhas, terracota com superfícies muito lisas, e também ardósias.
  • Alvenarias saturadas com ou sem vestígios de humidade ascendente, sais higroscópicos, ferrugem, alcatrão, poeiras, etc.

REQUISITOS DE TEMPO E DE TEMPERATURA

A caiação deve ser executada, em circunstâncias ideais, com uma humidade relativa do ar entre 65% a 75%. A temperatura deve ser no mínimo de + 5º C e no máximo de + 15º a 18º C. A caiação nunca deve ser feita sob sol directo ou sobre alvenarias há muito tempo aquecidas pelo sol. Os melhores resultados conseguem-se pela caiação feita de manhã cedo ou sob tempo constantemente nublado. Outra possibilidade é a de se fazer um andaime totalmente coberto, possivelmente com algumas vasilhas com água a evaporar.

MANUTENÇÃO DA CAIAÇÃO

Quando a caiação parecer gasta, e a alvenaria ou os rebocos estiverem intactos e em boa forma, o revestimento por caiação pode ser mantido, mais ou menos da mesma maneira como se fez a caiação nova.